sábado, 30 de junho de 2012

Os dons


Imagem by Freepik 


Coruja:  Amanhece...não deves começar a cantar?
Canário: Sim, em poucos instantes estarei voando por aí.
Coruja: De que adianta cantar? Além de ser muito esperta e ser símbolo da sabedoria, sou exímia exterminadora de ratos, uma praga para humanidade.
Canário: Não desdenhe do meu dom...meu canto torna mais leve a vida de gente simples e minhas cores deixam a natureza mais bela.
Coruja: Tem razão. Todos os dons tem sua beleza. Acho que vou dormir...
Partiram, então, em direções opostas.




* O nome dos personagens não conta!
Esse é o desafio 11 da História em 77 palavras promovido por esse blog aqui.
"O desafio de hoje será o seguinte:
A história terá de ser integralmente em diálogo – um diálogo entre duas personagens (as que cada um escolher) – excepto a última linha, que será do narrador.
Alguma condicionante?

Só uma:
Aquela última linha é:
Partiram, então, em direções opostas."




sexta-feira, 29 de junho de 2012

E já está acabando!

Nossa, o tempo passa mesmo muito rápido. Há alguns dias eu saí um pouco das divagações para me entregar ao desafio Amantes do Verão, e vejam só, está chegando ao fim! Como tenho uma postagem programada para amanhã, vou antecipar o desafio do dia 30 para hoje. Vejo que foi uma sábia decisão sair do mundo das perguntas para entrar no mundo das memórias.

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Dois ou um


Imagem by Bia

Não por nada.

Solidão é legal quando é preciso mergulhar dentro de si para se reencontrar. Mas vamos combinar: quando há amor, dois corações é melhor que um.
Dois corações = saudades.


Tradução da música aqui! Lindaaa!


terça-feira, 26 de junho de 2012

Tijolos, janelas e outfit

Imagem by Tiago Cata - Flickr

Tenho pressa. Tenho urgência em viver de um jeito novo o que já envelheceu e morreu.

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Ah, o sol!

Imagem by Daniel M. Viero - Flickr

O sol brilhando lá fora após dias de chuva...Nada de  viagem à praia ou à serra...
Nada de filme no sofá ou capuccino quente...Nada de encostar na janela e observar o céu azul enrolada em um cachecol quentinho...Num dia assim tudo que uma mulher e dona de casa pensa é: vou correr lavar a roupa e limpar a casa! Ô vida tirana!!!

domingo, 24 de junho de 2012

Passeio aos domingos da família Problema


Imagem by Freepik

Recebi esse poema no cartão de um grande amigo há muitos anos atrás, e nunca mais me esqueci dele. Faz parte das minhas citações preferidas no perfil do Facebook e adorei quando encontrei esses dias no blog da  Luma (hoje tem algo lindo escrito por lá, não deixem de visitar!). Os problemas se renovam todos os dias, como se renovam as alegrias, as dificuldades, as perdas e os ganhos.

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Boliche,amigos e um cheiro

21) Uma coisa que vi neste dia de verão
Imagem by Tony Moyoy - Flickr

Neste verão eu tive dias muito, muito difíceis. Dias de querer seguir em frente e não conseguir sair do lugar. Desses dias não tenho saudades e já prometi pra mim mesma que a história do próximo verão será diferente. E não sou mulher de duas palavras.

Homens e cachorros*


Imagem by Freepik

Quanto mais eu conheço os cachorros, mais gosto dos homens.
Tem a capacidade de criar, transformar, refletir, mudar o que não está bom, plantar o bem, fazer o justo...Será? Não tenho visto toda essa capacidade sendo usada para melhorar o que precisa ser melhorado, para reconhecer o que é certo e fazer de uma palavra um escrito. Cachorros são leais, amigos, companheiros e muito inteligentes. Pensando bem... 
Quanto mais conheço os homens, mais gosto dos cachorros.


Esse é o Desafio nº 10 da História em 77 palavras, promovido por esse blog aqui, cujo desafio da semana é assim: "a ideia é arranjar uma frase que, se trocarmos a ordem das palavras e alterarmos a pontuação, se transforme numa outra frase com um sentido diferente."

*Só para esclarecer, a palavra homens aqui foi usada no sentido do ser humano, não homens especificamente, ok?

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Os Amores, o campo, os escritos

18) Os amores de Verão
Imagem by Prue - Flickr
É interessante e meio louco, mas mesmo sendo ultra romântica nunca fui namoradeira. O verão tem essa conotação de desejo à flor da pele, pouca roupa, sensualidade, mas acho que o relacionamento amoroso não depende de estação específica para acontecer, nos toma de assalto quando estamos distraídos e pronto, esteja frio ou calor.

Estranha


Imagem original Gazeta da cidade

Cenário: escola cujas funcionárias são mulheres. Eu em hora atividade na sala dos professores. Vendedora chega oferecendo roupas. Início de diálogos intensos:
- Noooossa, olha que lindo esse?!
- Ah, esse ia ficar bonito para fulana, que tem um corpão...
- Ah, é que ela botou silicone. Agora disse que vai fazer lipo.
- Eu gostei desse aqui. Me deixa magra. Fulana, olha que lindo esse pra você!?
- Ficou muito curto comprido, largo, apertado, decotado, fechado demais, aberto demais...
- Puxa, esse está R$ 150,00...tudo bem, é meu marido que paga mesmo! E que não pague pra ver!
- Nossa, teu cabelo tá lindo, onde você fez essa progressiva?
...
Três horas escutando seguidamente a mesma conversa não me fez bem. Perceber que 95% das mulheres conseguem perder tanto tempo falando de aparência também não. Me senti uma ET, uma estranha completa nesse mundo de futilidades. Fiquei a pensar seriamente se este não é mais um defeito meu de fabricação: a ausência de um cromossomo fútil. Eu achava que homens gostavam de mulheres interessantes, que falam sobre filmes, artes, música, esportes, conhecimentos gerais, respeitam a condição financeira do outro, se preocupam, e blá, blá, blá...

domingo, 17 de junho de 2012

Questionamento

Imagem by Roberto Cacho - Flickr

Questionar...Acho que comecei a questionar antes mesmo de aprender a andar ou a falar. Sempre me peguei questionando sobre tudo, desde curiosidades, fatos, como se faz o quê e principalmente, indagações sobre a vida. Mas sempre tive boa memória e nunca fui chatinha (hahaha, pelo menos eu acho). Perguntar uma ou duas vezes (no máximo três, mais que isso começo a me sentir anta) já é o suficiente para eu aprender.

sábado, 16 de junho de 2012

TOC

Imagem by Patsy Melendi - Flickr

E eu com essa mania insistente, quase um transtorno obsessivo compulsivo, de achar que o amor é um filme, um clip musical, ou uma história de amor de Casimiro de Abreu ou José de Alencar...Serei eu a partitura,  a personagem ou só páginas de um livro impresso?





"Eu te amei desde o momento em que te vi! Eu te amei por séculos nestes poucos dias que passamos juntos na terra. Agora que a minha vida se conta por instantes, amo-te em cada momento por uma existência inteira. Amo-te ao mesmo tempo com todas as afeições que se pode ter neste mundo..."
José de Alencar


sexta-feira, 15 de junho de 2012

Vou contar...

Imagem by Vanessinha Suan - Flickr

Confesso que achei muito divertido o desafio da última postagem e agradeço aos que opinaram. Muito do que disseram corresponde à realidade, o que me reforça a ideia de que sou uma pessoa realmente transparente. É que às vezes temos uma visão de nós mesmos completamente deturpada, não é?

O gato e o esquilo


Imagem by Freepik

O gato, bonachão, desafiou o esquilo, todo esquisitão:
- Coitado, tão pequeno, não chega ao meu dedão! Estou a desafiá-lo: no embate eis-me campeão!
No dia datado, a chispada começou. Debochado, o gato mandou um beijinho ao esquilo, todo suado, quando chispou léguas distante. 
Cansado e confiante, o gato deu-se uma soneca: "já estou bem adiante..." pensou!
O esquilo, continuamente constante, não desistiu e se adiantou. 
Viu a linha de chegada, e jubiloso, festejou!
E o gato...lastimou!

Esse é o 9º desafio da História em 77 palavras, promovido por esse blog aqui, cujo objetivo era recontar a fábula "A lebre e a tartaruga", com essas regras: "recontar em 77 palavras (óbvio...) com uma letra a menos - podem escolher sem U (mais fácil) ou sem R (não tão fácil...) ou ainda sem E (nada fácil!!!)". Eu escolhi não usar a letra R. Deu certo?

* A título de curiosidade, o esquilo corre cerca de 20 km/h e o gato em torno de 50 km/h.

terça-feira, 12 de junho de 2012

Desafio e selo "Amizade Virtual"

Mais um desafio instigante da blogosfera, imaginar quem está por trás da telinha virtual...Recebi o selo de dois amigos, da querida Isa, do blog Diário de um ano bom (adooooro) e do Leafar, do blog Leafar, um amigo recente com postagens curtas e consistentes em seu espaço. (selo na página de selos, no alto do blog)


As regras são as seguintes:
- Colocar o selo do desafio no blog e dizer quem o ofereceu;
- Publicar o acima, de autoria da S;
- Passar o desafio a pelo menos 3 pessoas com quem possua uma amizade virtual;
- Copiar as 3 questões seguintes e desafiar TODOS os leitores do seu blog a respondê-las através de um comentário.

1. Como imagina o autor/a do blog em termos físicos (cabelo, olhos, altura, peso etc)?
2. Como imagina os traços principais de seu feitio (calmo, mal-humorado, mentiroso, amigo etc)?
3. Como imagina ser a vida real dele/a (dona de casa, pai, mãe, executivo, agricultor, boêmio etc)?

"Com a interação diária entre blogs, com as visitas, com a leitura dos textos, vídeos e imagens, começamos a saber um pouco mais acerca uns dos outros. Ou pelo menos assim imaginamos, podemos estar redondamente enganados. Todos imaginamos coisas acerca da pessoa que visitamos quando entramos num blog, às vezes porque ela escreve sobre isso, outras vezes porque ficamos com uma impressão. Penso que isso é curioso e pode ser engraçado. Por isso surgiu a ideia desse desafio". (O Blog Da S)

Como acabei de oferecer um desafio, vou deixar as indicações em aberto, todos estão convidados a levar o desafio para o seu espaço...Mas já falei tanto de mim por aqui que fica fácil responder, não é?

Continuando o Desafio Amantes do Verão...

Manhãs de Verão...(10)
Imagem by Luiz Sousa - Flickr

Saindo um pouco do assunto praia, eu adorava as manhãs de verão, quando eu dormia na casa de uma tia minha com três primas um pouco mais velhas. A casa era simples mas havia um quintal enorme e lindo, cheio de árvores, e eu adorava andar por lá, imaginando que era uma floresta encantada ou qualquer coisa assim...hahaha, pior que eu fazia isso até uns 17 ou 18 anos. Hoje a casa não existe mais, uma pena. Bons tempos!

...Tardes de Verão...(11)
Imagem daqui

Agora voltando ao assunto praia, as lembranças mais marcantes das tardes de verão foram da adolescência,    na praia, quando eu e uma prima esperávamos o início do por do sol, íamos para uns pequenos montes de areia à beira-mar e praticávamos tai-chi-chuan, que tínhamos aprendido em um livro...é inesquecível a sensação de tranquilidade da vista do mar, do cheiro, das cores do sol se pondo, da mente se acalmando com o corpo...maravilhoso!

...Noites de Verão. (12)
Imagem daqui

Aqui lembrei de uma noite especificamente. Eu estava numa praça da cidade, com a cabeça pousada no colo do meu amor, olhando o céu limpo cheio de estrelas, no silêncio, observando e absorvendo o momento...lembro-me que naquela simplicidade me senti plena, e feliz, completamente feliz. Passou uma estrela cadente e eu fechei os olhos, agradeci a Deus e pedi que aquele momento se repetisse muitas vezes vida afora. A estrela cadente está com seu saldo devedor.



segunda-feira, 11 de junho de 2012

Laço esperto

Imagem by Olivia Proença - Flickr

Está o amor por perto, posso soprá-lo ao leo
permanecerá latente por dentro, do coração, sempre centro
no pensamento, coerente, na pele, sede ardente...

Posso tomá-lo nas mãos, e amar,
posso mandá-lo arredar,
posso soltá-lo no mar...

O amor me detém em colo certo
concede amparo em laço esperto...
De tão apto em me manter
não me solta, não me prende...
...me tem, para sempre
sem ter como deter.

Me tome, amor, me rapte...sem me reter.

Esse é um poema participante do desafio semanal  Histórias em 77 palavras, promovido por esse blog aquiideia super criativa da Francisca Torres e da Margarida Fonseca Santos.
Comecei agora, no 8º desafio, escrever um texto com palavras contendo somente essas letras abaixo foi difícil:

A  E  O  T  R  S  P  L  M  N  D  C

Aproveitei o Dia dos Namorados e explorei o tema. Espero que gostem...publicarei os desafios anteriores na medida do possível.





domingo, 10 de junho de 2012

Esse Dia dos Namorados

Para inspirar...
Imagem by Rui Ornelas - Flickr

"Nesse Dia dos Namorados estarei naquele endereço, sentada naquela cadeira, de costas pra portas e janelas trancadas. Nesse Dia dos Namorados estarei naquele cômodo escuro, no mais fundo dos meus corredores, amarrada aos sapatos grudados no chão. Os ombros vergados de dúvidas, a consciência forrada de dívidas.

sábado, 9 de junho de 2012

Melhor concordar

Imagem daqui

Aquele momento em que você sabe que a pessoa está mentindo mas concorda "hum, hum" para não constranger.






"..corta o rabo dela, pisa em cima, bate nela..."

Bebida, carnaval e cabelo (???)

Imagem by Xavi Talleda

É, talvez pareça um pouco óbvio, mas conheço muita gente que deveria, mas não toma, água.

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Um sonho é...


Imagem do Facebook

Coração, adormeça e volte logo para o universo dos sonhos. Acordar e observar tão de perto a realidade não está lhe fazendo bem. Durma, sonhe e deseje. Desejar é o primeiro passo para a conquista.

Habilidades e inabilidades*

Você conhecem o blog Jardim de algodão doce? Com um nome desses nem preciso dizer muita coisa, não é? Não deixem de dar um pulo por lá, um espaço feito de postagens inesperadas, com divagações, doçuras e receitas. Ela me ofereceu esse selo e um pequeno desafio. (selo na página de selos)

Imagem by Freepik


Este desafio consiste em : 

1) Dizer quem me ofereceu
2) Dizer 3 coisas em que eu seja especialmente boa a fazer
3) Dizer 3 coisas que eu gostaria de aprender a fazer
4) Atribuir o selo aos blogs que eu mais frequento

quarta-feira, 6 de junho de 2012

Pessoas e avencas

Imagem by Blog A cor do vento

Estou a sobreviver por receber doses esporádicas de adubo.  
Há um longo caminho para se recuperar o viço.
E a necessidade do ambiente adequado.

terça-feira, 5 de junho de 2012

Um segredo...


...de verão (5)

Imagem by Marina Pics - Flickr

Bem, o verão é uma estação especial, que inspira sensualidade, encontros, beijos longos e abraços apertados. Tudo é um convite: a pouca roupa, o vento fresco e o sol quente, os tons de mar e céu misturados com os tons do sol nascente e poente, a sensação de liberdade e leveza das férias. Os verões, com certeza, abrigam muitos segredos...

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Começou: Blogagem coletiva "Amantes do Verão"

Primeiro quero agradecer as inúmeras manifestações de parabéns, algumas me emocionaram bastante e  estarei respondendo cada mensagem no final de semana.
Bem, como ando um tanto incrédula e fragilizada, qualquer postagem pode conter um traço melancólico ou desolado. Então, amei ter entrado nesse desafio, porque trata de um tema que eu adoro: Verão. Durante esse mês estarei dedicada a fazer as postagens sugeridas (quem quiser saber mais é só clicar no link ao lado) promovidas pelos blogs da Turista e da Scarlet. Elas são de Portugal e por lá o verão começa agora em junho. Os temas são bem variados e interessantes e eu aproveito para esfriar um pouco a cabeça dos pensamentos sentimentais e filosóficos. Algumas coisas nesse sentido serão salpicadas no Putz
Só mais uma ressalva, como o tempo é curto para postar, responder e visitar os outros espaços, estarei fazendo as postagens de duas em duas, em dias alternados, e não uma por dia. Haverá espaço para pequenas histórias, poemas ou só uma foto representativa. Está valendo, não é?

1) O Verão da minha infância...

Imagem by Bruno Caimi - Flickr